quarta-feira, 4 de fevereiro de 2015

Imprensa divulga selecionados para exposições na FURB

Contracapa do Santa publicou relise do Jornalismo da FURB.


Professores atestam imprudência em acidentes na ponte

Professores da Engenharia Civil e da Arquitetura e Urbanismo da FURB defendem a tese de que a falta de cuidado provoca as quedas de carros na famosa ponte da rua Sete de Setembro.


Santa destaca posse de Udo como presidente do Gene

A jornalista Daniela Mattes, interina do Pancho, abriu hoje a coluna no Santa (página 2), com a posse do vice-reitor na gestão do Instituto Gene. Baseada no relise do Jornalismo da FURB, ela entrevistou Udo Schroeder ontem à tarde.
Mattes informou também sobre interesse de duas empresas na construção do Centro de Inovação. Leia abaixo:
Foto extraída da página de Marcos Alberto dos Santos (Facebook)


segunda-feira, 2 de fevereiro de 2015

Natel adianta planos da nova gestão


Em entrevistas, hoje, às emissoras de rádio e televisão, o reitor João Natel apontou os principais desafios da segunda gestão - que começa logo mais às 19h30min, na posse que ocorre no Teatro Carlos Gomes, acompanhado do vice-reitor, Udo Schroeder (à direita na foto).

A agenda de Natel pela manhã foi cheia, com entrevistas nas rádios Menina, Nereu Ramos, Clube e CBN. Ao meio-dia ele foi na RIC Record e às 14h gravou com a FURB TV. Os veículos de comunicação ainda não disponibilizaram as gravações. Mas quem ouviu a rádio CBN entre 10 e 10:30, por exemplo, e acompanhou na RIC Record no almoço, teve uma prévia do que pode conter seu discurso à noite.

Na CBN, Natel disse que a reeleição traduz o reconhecimento ao trabalho da primeira gestão, marcada pelo equilíbrio financeiro, conclusão de obras, melhoria na estrutura de salas e cursos (a Policlínica, por exemplo, será inaugurada pelo governador, só depende da agenda de Raimundo Colombo), a realização de 250 concursos públicos para docentes e T.As (entre outras questões) -  e aumenta a sua responsabilidade até 2019. 

Além de perceber um aumento da autoestima na instituição, afirmou que o planejamento aponta para um trabalho mais forte em quatro grandes áreas: 

a) Ensino (graduação e pós-graduação), com a incorporação das novas tecnologias e com "investimento muito grande", prioritário, em tecnologia da informação. Nesse ritmo, anunciou a oferta, ainda este ano, do primeiro curso de graduação a distância, em Turismo e Lazer, para atender Santa Catarina - está em análise no Ministério da Educação. O curso terá como pólos instituições parceiras de Lages, Joinville, Rio do Sul. 

b) Na Pesquisa, prevê incremento para 2016, já informando o lançamento do Mestrado em Ciências Jurídicas  e mais um mestrado nas áreas da Saúde e Exatas e Naturas (Biologia), e também nas especializações.

c) na Extensão, destacada com maior ênfase, afirmou que a FURB adotará uma prática mais efetiva de abrir as portas para a comunidade, trabalhando de forma persistente na identificação da Universidade com as principais demandas do Vale do Itajaí. Ainda nessa linha, reforçou o trabalho no Médio Vale e as parcerias que vem firmando em Indaial (o centro de pesquisas com animais selvagens, onde já existe a pesquisa com os bugios); com Timbó e em Indaial, numa reafirmação do que chamou de vocação regional da FURB.

d) Internacionalização da FURB - lembrou que a instituição já tem mais de 50 convênios com universidades do exterior que serão fortalecidos e destacou o envio e recepção de 100 acadêmicos em 2014, através do programa Ciência sem fronteiras.

Nas recorrentes perguntas sobre federalização, reafirmou na CBN o equívoco do governo federal de dispensar a parceria com a FURB, mas reiterou que a universidade está disposta a colaborar não só com a extensão da UFSC na cidade, como do IFSC e IFC, reforçando Blumenau como importante pólo de geração de conhecimento.